Doom – Born Like This

27 Mar
Daniel Dumile

Daniel Dumile

Esse ano o rap promete bons lançamento, tem Jay-Z gravando com produção de Kanye West, Mos Def com disco novo em junho, Emicida lançando mixtape, Max BO gravando. Enfim, a lista é grande.

Agora, para o titulo de ‘melhor disco do ano’ um chegou como forte candidato, Doom (que antes assinava MF Doom) com “Born Like This”. O mascarado do rap fez um trabalho experimental, cheio de bases diferenciadas e ousadas principalmente. Soube trabalhar bem com a eletrônica, lembra um pouco até a experiência que Parteum fez em sua mixtape. O detalhe é que Fabio Luiz lançou antes o seu trabalho, épocas de globalização.

Nesse novo trabalho Doom (ou Daniel Dumile) fugiu totalmente do convencional, e ouvindo seu CD, percebe-se claramente porque chamou Thom Yorke para remixar sua música. Existe uma linha de raciocínio lógico entre os dois.

Confesso que estava com receio de ouvir, mas depois que Mos Def rasgou o verbo para Doom, melhor conferir. A produção está em outro nível, não vai vender tanto, não tem refrões fáceis (quando tem), mas o propósito é atingir outro publico. Aqueles que estão para oferecer uma nova proposta.

Pode passar despercebido na maioria dos lugares, mas tem gente que tem gente como o “Só Pedrada Musical” que sabe o quanto vale a pena a paulada.

O Boom Bap explica melhor esse disco bem aqui.

Aprecie sem nenhuma moderação.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: